CELEBRANDO, MESMO COM O CORAÇÃO ABATIDO

5Hoje o meu Blog completa 5 anos! Agradeço a Deus pela oportunidade de poder tocar às mais de 207.000 pessoas através das minhas meditações. Obrigada por fazer do meu Blog um instrumento de edificação para a sua vida.

Nada melhor do que comemorar compartilhando um pouquinho do que aconteceu esta manhã comigo… ;) 

Hoje resolvi meditar em alguns salmos, dentre eles o Salmo 42. Alguns estudiosos afirmam ser este uma das canções do Rei David, já outros acreditam ser um salmo escrito pelos Filhos de Corá. Bem, para mim hoje não importa tanto quem o escreveu, mas o que nele está escrito e que trouxe, de certa forma, identificação ao meu coração.

2g0swajuttt9xllgtdp6y0pw1É claro que quem o escreveu estava a passar por grandes sofrimentos num tempo de profunda angústia, ou até mesmo o abatimento da alma causado pela depressão: “Minhas lágrimas têm sido o meu alimento de dia e de noite, pois me perguntam o tempo todo: “Onde está o seu Deus?” (Sl 42:3)

Em parte, a sua luta estava sendo agravada pela zombaria de muitos que lhe perguntavam em meio à sua dor: “Onde está o teu Deus?” (vs.3 e 10).

Para quem está passando por uma luta dessas, manter a esperança é realmente um grande desafio! Um nível de dor assim coloca à prova todas as nossas convicções de fé.

Mas uma das coisas que me chamou a atenção foi que, mesmo estando em grande sofrimento, o seu maior desejo era estar na presença de Deus: “Como a corça anseia por águas correntes, a minha alma anseia por ti, ó Deus. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo. Quando poderei entrar para apresentar-me a Deus?” (Sl 42:1-2).

Você pode tentar amenizar a sua dor em qualquer lugar, com qualquer pessoa, mas a sua alma só encontrará descanso nEle, no seu Criador, nAquele que lhe trouxe à existência!  Nada neste mundo pode trazer esperança a um coração angustiado como Jesus. 

Outra coisa que chamou a minha atenção foi ver que o salmista tinha o hábito de alegrar-se no Senhor. Ele diz: “… eu costumava ir com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava” (Sl 42:4). 

É comum aqueles que se alegram no Senhor passarem por grandes crises existenciais. A nossa alegria é posta à prova todos os dias, seja através dos zombadores, seja através das enfermidades, seja através dos problemas familiares, dos desafios financeiros, etc. Não podemos deixar que nada abale a nossa confiança no Senhor. Se confiarmos, manteremos a nossa alegria!

templeton-joyDuas vezes ele questiona a sua alma o por que de estar tão abatida, e a seguir, ele faz o que devemos fazer em momentos assim: deu ordens à sua alma para que se aquietasse e esperasse no auxílio do Senhor.

Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face” (Sl 42:5)

Hoje tive uma experiência de fé interessante. Eu e meu marido recebemos uma notícia um pouco difícil (antes de ler este Salmo). Olhamos um para o outro e dissemos: “Não vamos murmurar, vamos apenas orar e adorar a Deus confiando na Sua poderosa mão sobre nós“.

Imediatamente, vi que o Hugo, que é nosso Pastor de Adoração, postou, numa das nossas páginas, o seguinte verso: “Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor” (Jr 17:7). Como Deus fala aos nossos corações através da Sua Palavra, e como ela nos dá vida! Ao ler este verso, o meu coração foi inundado por uma paz tão intensa que nada pôde tirar de mim a alegria que tanto prezo…

Ao acabarmos de orar e de meditar na Palavra, recebemos a resposta daquilo que tínhamos acabado de colocar diante de Deus. Foi uma resposta imediata, que sinceramente, nem eu esperava… Foi uma surpresa sobrenatural! Deus é Fiel e poderoso para nos socorrer “em tempo oportuno”!

Se você está a enfrentar um tempo difícil como relatado neste Salmo, coloque-se diante do Senhor e entregue a Ele tudo aquilo que lhe fere, que lhe magoa, que lhe preocupa. Ele vai surpreender a sua fé!

Contudo o Senhor mandará a sua misericórdia de DIA, e de NOITE a sua canção estará comigo, uma oração ao Deus da minha vida” (Sl 42:8).

Shalom!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s